TIRE SUAS DÚVIDAS. Ligue para gente: (21)2226-5113
Portal IBKL

Blog

5 tendências de tecnologia hospitalar

A pandemia de COVID-19 trouxe mudanças sem precedentes – e em alguns casos permanentes – na prestação de cuidados de saúde. Algumas delas são apontadas por especialistas como as principais tendências de tecnologia hospitalar dos próximos anos.

Uma resposta forte e impulsionada pela tecnologia para atender às necessidades urgentes estão tendo implicações positivas que vão além da atual crise de saúde. As tendências de tecnologia hospitalar estão dando aos pacientes e profissionais da saúde novas opções para cuidados preventivos.

Com as vacinas COVID-19 a caminho e as expectativas dos pacientes mudando rapidamente, haverá muito a ser considerado em 2021. Aqui estão 5 tendências de tecnologia hospitalar:

 

1 – Telessaúde

Os pacientes impulsionam cada vez mais a experiência na saúde.  Além da teleconsulta, mais tecnologias digitais têm surgido para melhorar e resolver as deficiências na prestação de cuidados. 

Um exemplo desses serviços são portais digitais que oferecem uma variedade de funções de autoatendimento (como portais onde o paciente pode marcar suas consultas, consultar seus resultados de exames, entre outros).

 

2 – Mudanças permanentes em tecnologias de limpeza

Para manter os espaços mais higiênicos, os provedores de saúde estão procurando uma série de ferramentas para lidar com as tarefas críticas de limpeza profunda e garantir uma boa higiene. 

Eles também estão alterando layouts e processos de check-in para reduzir o agrupamento e identificar visitantes com Covid-19 antes de entrarem em um edifício.

As implantações podem incluir robôs que emitem luz ultravioleta e destroem germes para descontaminar salas em 15 minutos, ou tecnologia para rastrear por quanto tempo – e com que frequência – os funcionários lavam as mãos. 

Além disso, mais hospitais estão usando câmeras térmicas nas entradas para detectar pessoas com febre.

 

3 – Inteligência Artificial

A necessidade de eficiência e interações sem o contato humano tem o potencial de impulsionar o uso clínico do processamento de linguagem natural – um ramo da Inteligência Artificial ​​que permite que os computadores entendam comentários falados – transmitindo dados para o prontuário eletrônico de um paciente. 

Como alternativa, serviços automatizados como chatbots de verificação de sintomas continuarão a “aliviar gargalos” administrativos. 

 

4 – Integração de realidade virtual aumentada na Simulação Realística

Estar imerso em um mundo virtual ou visualizar espaços da vida real com aprimoramentos digitais não é mais apenas um jogo. 

Com a ajuda de fones de ouvido e software especialmente projetados, os profissionais médicos estão descobrindo usos mais amplos para a realidade virtual e aumentada. 

As opções incluem programas de treinamento cirúrgico realistas, experiências clínicas complementares para estudantes de enfermagem, distração para o controle da dor e até mesmo a capacidade de visualizar imagens com uma perspectiva nova e detalhada (os médicos do George Washington University Hospital, por exemplo, recentemente usaram a RV para analisar o pulmão de um paciente COVID-19, veja aqui).

 

5 – Análise de dados como uma das tendências de tecnologia hospitalar

Manter o controle sobre as pontuações das remessas de vacinas COVID-19 exige que as organizações de saúde implantem análises de dados fortes e plataformas de rastreamento em tempo real para acompanhar as mudanças e evolução da vacinação.

Gostou do artigo? Quer saber um pouco mais sobre tendências de tecnologia hospitalar? Assine nossa newsletter e fique por dentro de todas as novidades da área da saúde!