TIRE SUAS DÚVIDAS. Ligue para gente: (21)2226-5113
Portal IBKL

Blog

Como melhorar a comunicação com o paciente

Um fator fundamental para o bom atendimento na saúde é a comunicação entre o profissional e o paciente. A comunicação ajuda a chegar a um diagnóstico mais preciso,  facilita o entendimento do problema para todos os envolvidos, esclarece dúvidas sobre a doença e o tratamento e cria uma conexão que transforma a percepção do paciente sobre o atendimento que recebeu. Confira no post de hoje algumas dicas para melhorar a comunicação com os pacientes.

Ouvir com atenção e analisar os sinais não verbais

Para criar uma boa comunicação a primeira etapa é escutar. Durante o atendimento, é importante usar parte do tempo escutando o paciente, com atenção real ao que ele diz. Além de coletar informações valiosas para o diagnóstico, isso estreita os laços com o paciente e melhora a percepção que ele tem do atendimento que recebeu.

Além de ouvir, a comunicação também passa pela observação dos sinais não verbais. A forma de andar, respirar, de se movimentar, o tom de voz e as expressões faciais do paciente podem guardar dicas relevantes para ajudar na investigação. Ou até mesmo revelar algum desconforto que poderá ser desfeito com um pouco mais de cordialidade durante a conversa.

Orientar com clareza

O que é óbvio para o profissional de saúde nem sempre é óbvio para o paciente. Uma informação que dá espaço para muitas interpretações ou que não é passada de forma completa, em uma linguagem acessível, pode ter consequências graves. Oriente com clareza e certifique-se de que o que foi dito foi compreendido.

Evite termos muito técnicos sempre que possível. Pergunte se o paciente tem dúvidas, fique atento aos sinais não verbais que podem indicar que ele está confuso.  Responda de forma franca aos questionamentos que forem feitos, sem tentar engana-lo de alguma forma. Se a notícias forem ruins, elas devem ser ditas com cuidado. Se a situação for muito complexa, deixe claros os elementos envolvidos. Se não tiver uma resposta naquele momento, diga isso de forma direta.

comunicação com o paciente

Tenha empatia e seja cordial

Profissionais de saúde muitas vezes são os responsáveis pela comunicação de notícias difíceis aos pacientes, e as reações a essas notícias podem ser muito diversas de acordo com a gravidade da situação e a personalidade de cada um. Por isso é muito importante fazer uso da empatia para se comunicar melhor e saber lidar com as reações do paciente em situações adversas.

Capacitar-se tecnicamente é extremamente importante para profissionais de saúde, mas a construção de um bom relacionamento com os pacientes também passa por estabelecer uma comunicação amigável, acolhedora, e um tratamento humanizado. Nem sempre o paciente vai compreender as nuances das habilidades técnicas que o profissional possui, mas ele sempre vai saber se recebeu um tratamento cordial ou não.

Capacite-se para melhorar a comunicação

Assim como as habilidades técnicas, uma boa comunicação pode ser adquirida através de capacitação e treinamento. Na metodologia de simulação realística utilizada nos cursos do IBKL, a comunicação é treinada e avaliada em conjunto com a realização dos procedimentos e o cumprimento dos protocolos esperados do aluno. Alguns cenários contam, inclusive, com a presença de atores para que se avalie a o atendimento como um todo – inclusive a eficiência da comunicação.

Conheça mais sobre a nossa metodologia de ensino e os benefícios para a sua instituição de saúde. Entre em contato conosco para marcar uma apresentação.